Wu-Tang Clan vende disco secreto que só poderá ser ouvido daqui a 88 anos

Grupo recebeu oferta de 5 milhões de dólares pelo álbum duplo

“Quando você compra uma pintura ou uma escultura, está comprando uma peça em si, e não o direito de replicá-la

Os caras do Wu-Tang Clan tiveram uma ideia bem futurista. Recentemente, o grupo norte-amercicano afirmou que irá vender apenas uma cópia de seu novo álbum, chamado Once Upon A Time in Shaolin. Segundo informaram, o disco só poderá ser reproduzido comercialmente daqui a 88 anos.

Durante o ano passado, o álbum ficou guardado num cofre em Marrocos. Recentemente, foi disponibilizado para um leilão online, no site Paddle8. Passados 88 anos, os direitos de autor passam a pertencer ao comprador, que decidirá se quer ou não lançar o álbum comercialmente.

Em comunicado na internet, RZA, o líder da banda, explica: “Quando você compra uma pintura ou uma escultura, está comprando uma peça em si, e não o direito de replicá-la. Ser dono de um Picasso não significa que você possa vender reproduções, mas sim que é o único dono de um original. É isso que é o Once Upon a Time in Shaolin. É um original único em vez de uma cópia master do álbum”.

RZA disse que o grupo recebeu uma oferta de 5 milhões de dólares (cerca de 4,46 milhões de euros) pelo álbum duplo de 128 minutos e 31 canções.

Inscreva-se no Moozyca

Leia também

‘É mais barato produzir, então se produz muito’

Erivan contou ao Moozyca como o Rap o levou do Castelo Encantado à Finlândia

Morre Ornette Coleman, o Einstein do jazz norte-americano

Dica do Réu: "Sólido", primeiro trampo do Rap Sensation, foi um marco para o rap brasileiro

No Dia da Mulher Negra e Latina, celebre com música!

10 álbuns com 10 anos que ainda aparecem no shuffle do meu celular

O guitarrista mais rápido do oeste

Canto dos Malditos na Terra do Nunca está de volta

Inscreva-se no Moozyca